fbpx

5 informações valiosas antes de montar um e-commerce

5 informações valiosas antes de montar um e-commerce
Leia em menos de: 4 minutos

Confira algumas dicas para que o sonho de montar um e-commerce não vire um pesadelo.

Na internet tudo parece fácil, simples e descomplicado. O que poderia ser trabalhoso ao tentar fazer vendas online, certo? Errado! Embora estejamos cada vez mais acostumados e habituados à vida online, ter um negócio, mesmo que em ambiente virtual, não é algo que possa ser feito do dia para a noite. Quer vender online? Saiba que antes de montar um e-commerce há muitas etapas a serem percorridas na jornada rumo ao sucesso.

Segundo o Ebit/Nielsen, o e-commerce brasileiro faturou R$ 53 bilhões em 2018, um crescimento de 12% em relação ao ano anterior. O número anima quem deseja empreender. Assim como a abertura de uma loja física requer cuidados e aprendizado, iniciar um comércio eletrônico também necessita de atenção aos processos.

Segundo o BigData Corp, o Brasil estava com 675 mil lojas virtuais ativas ao final de 2018, sendo a maior parte delas de pequeno porte. Há espaço para todos, com certeza. Mas quem se destaca e corre menos risco é quem aposta no planejamento como palavra de ordem antes de iniciar os trabalhos.

Selecionamos cinco pontos que merecem atenção de qualquer pessoa com o desejo de começar a vender online. É seu caso? Boa leitura!

Faça testes antes de montar um e-commerce

Você sabia que loja virtual e e-commerce não são exatamente sinônimos?! A loja virtual é parte de um e-commerce. Este envolve diversas etapas de operações comerciais em ambiente online. O que acha de testar e validar seu negócio antes de investir pesado nas operações virtuais?

Para isso, uma opção é colocar seus produtos em algum marketplace existente, ou seja, algo que já tenha estrutura montada. Nesta fase, sua função é apresentar os produtos e vendê-los utilizando plataformas já conhecidas e confiáveis por parte do público.

É uma fase de teste, de divulgação dos produtos e começo de relacionamento com os clientes. Vale divulgar em canais próprios e começar a montar uma base de contatos. Se o resultado for positivo, avance. Se houver algum problema, reestruture, identifique os erros e recomece sem sofrer com grandes prejuízos.

Estude o mercado e conheça seu público

Se você já tem uma empresa física e vai levá-la também ao ambiente online, alguns conceitos e conhecimentos são os mesmos nos dois casos. Analisar o mercado e conhecer o público-alvo faz a diferença em um plano de negócios de sucesso. No entanto, embora os itens sejam iguais online e offline, há diferenças consideráveis.

Na internet não há fronteiras! Se uma loja física atende pessoas do bairro, cidade ou região, uma loja online pode ir muito além. Desde que esse seja o objetivo, claro, afinal também é possível limitar a área de entregas, por exemplo. Além disso, o público com potencial para tornar-se cliente também é ampliado.

Agora, caso seja o início de um negócio e exclusivamente online, prefira nichos de mercado. Competir com grandes marcas e redes é algo difícil, portanto escolher um nicho reduz a concorrência. Estude essa concorrência, verifique pontos fontes e fracos, analise seus sites… Há um enorme “dever de casa” a ser feito para conhecer o terreno que vai pisar.

Em relação ao conhecimento e definição do público-alvo, monte uma persona para saber como falar com esses potenciais clientes. Lembre-se: durante algum tempo eles serão desconhecidos, mas você sabe exatamente o perfil que deseja atingir

Gestão de estoque

Ao montar um e-commerce, o estoque inicial tem grande peso e importância. Possivelmente o maior custo para começar o e-commerce esteja nele, tanto com a compra ou produção de mercadorias como em processos para gestão.

Vender além do estoque ou deixar muitas mercadorias encalhadas (quando não for o caso de produção a partir do pedido) não é bom para o negócio nem para o relacionamento com o cliente. Para não perder dinheiro e a confiança dos clientes na fase inicial, essa etapa merece muita atenção e, se necessário e possível, auxílio de especialistas ou de pessoas que já estão no mercado há mais tempo.

Montar um e-commerce requer atenção ao site

O que você busca e prioriza ao fazer compras online? O que observa nos sites? É exatamente o mesmo que seus clientes também desejam encontrar! Um ambiente seguro, confiável, com fácil navegação, adaptável a dispositivos móveis, entre outras características. Ou seja, gaste um tempo e dedicação escolhendo e formatando seu e-commerce. Ah, não apenas o visual para o internauta, os “bastidores” do painel administrativo também merecem cuidado.

Para isso, também vale observar quais plataformas a concorrência utilizam, buscar auxílio e orientação de profissionais ou empresas especializadas. A formatação o site para as vendas depende de muitas variáveis, mas, ao final, ele deve atender todos os seus objetivos e necessidades bem como ser atraente ao cliente.

Investir em marketing

Por fim e não menos importante, algo fundamental para que seu e-commerce venda muito ou pouco em um ambiente com tanta concorrência: o marketing! Na verdade, o marketing digital e tudo o que ele pode oferecer para um negócio na internet.

Atrair clientes, gerar leads, apresentar a marca e seus produtos, encontrar o público-alvo nas redes sociais e fortalecer o relacionamento são alguns objetivos das estratégias de marketing. De nada vai adiantar ter um estoque bem organizado e gerido, um site bonito e conhecimento sobre o mercado e seu público se não conseguir levar seus produtos até eles. O investimento é marketing não deve ser deixado de lado.

Tudo em seu tempo, como todas as etapas. Ou seja, investimentos moderados no início (lembra da fase de testes?!) e, de acordo com análises dos resultados, o desenvolvimento de novas ações é algo indicado para pequenos negócios online em fase inicial.

Pensou que seria fácil iniciar um negócio a internet?! Que nada! A boa notícia é que o planejamento, aliado às estratégias certas em cada etapa, gera resultados positivos e surpreendentes. Ah, lembre-se que cada vez mais o atendimento ao cliente faz a diferença nas relações de consumo, o que vale também em ambientes virtuais.

Tem dúvidas sobre como montar um e-commerce? Quer mais dicas e orientações sobre as etapas de formatação do mesmo ou do marketing digital? Pode entrar em contato com a Wedit que estamos prontos para ajudar!

Pessoa verificando investimento da autoescola

Segmentação e ROI: vantagens do marketing digital para autoescolas

Como o marketing digital para autoescolas otimiza recursos e gera mais matrículas Após um guia…

Inbound marketing para CFC: aplique e atraia mais alunos

Como parar de correr atrás de clientes e usar estratégias de Inbound Marketing para fazer…

A arte de criar personas em apenas três etapas

Como criar personas e ter o "cliente ideal" ajuda a otimizar recursos em estratégias de…

Entenda a jornada de compras do seu cliente e faça mais vendas

Conheça cada uma das etapas da jornada de compras e saiba como entendê-las permite, com…